Text Size

Buscar

Catanduva inaugura Estação de Tratamento de Esgoto

A questão ambiental é uma das prioridades de governo do prefeito Geraldo Vinholi e para melhorar a qualidade de vida da população, despoluir o rio São Domingos e tratar 100% do esgoto, será inaugurada a Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) de Catanduva. A inauguração será no dia 19 de junho, às 16 horas.

A ETE já opera com uma licença provisória da CETESB de 180 dias e está devolvendo água para o Rio São Domingo com mais de 80% de pureza, trazendo inúmeros benefícios para Catanduva e para outros 66 municípios que fazem parte da Bacia Hidrográfica dos rios Turvo e Grande (CBH-TG), uma vez que o Rio São Domingos deságua no rio Turvo, que banha as cidades.

“É uma obra muito importante, que irá trazer benefícios ambientais para diversas cidades, além, é claro de beneficiar Catanduva. Com o esgoto 100% tratado, iremos atrair mais investimentos para Catanduva, o que irá resultar em mais empregos para o município e região. Além disso, melhora a qualidade de vida da população. Catanduva está servindo de exemplo para muitas cidades que ainda não tem a E.T.E.” garante Vinholi.

ETE

O esgoto coletado antes de ser bombeado para a estação, chega na Estação Elevatória de Esgoto, local em que, segundo o Superintende da SAEC Cesar Morasca, recebe o pré-tratamento, com um gradeamento capaz de separar sólidos com dimensões maiores, como frascos de shampoo, garrafas pet, fraldas, entre muitos outros. Após o pré-tratamento, o esgoto é bombeado para a ETE.

Na Estação de Tratamento de Esgoto o efluente passa por mais um gradeamento, capaz de reter os pequenos sólidos, como cabelo e estopa, por exemplo. Em seguida segue para o desarenador - caixa de areia - onde toda a areia é retirada. Após isso, vai para as lagoas de aeração, onde o efluente é submetido à agitação mecânica.

“Neste ponto ocorre à oxigenação da mistura, eliminando os gases indesejáveis e acelerando o processo de decomposição. Depois de algum tempo, o efluente segue para as lagoas de decantação, onde os resíduos ficam depositados no fundo e a água livre dos resíduos segue de volta para o rio São Domingos, com mais de 80% de pureza”, explica Morasca.

Investimento

Com um valor estimado em 24 milhões (recursos do PAC – 2) e capacidade de tratar cerca de 450 litros por segundo, em seu pico máximo, a estação está sendo construída para atender cerca de 180 mil habitantes por até 25 anos.

Serviço

A ETE fica localizada na Rodovia Vicinal Vicente Sanches, Km 5, sentido Catanduva á Catiguá.
 
Fonte: Prefeitura de Catanduva

Prefeituras Parceiras






Greenpeace

Greenpeace

WWF