Text Size

Buscar

Prefeitura de Salto anuncia unidade do SENAC na cidade

O prefeito de Salto, Juvenil Cirelli, e o "Instituto Solidare" anunciaram em coletiva realizada nesta última quarta-feira (24), a construção de uma unidade do Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial.
 
O Prefeito da Estância Turística de Salto, Juvenil Cirelli, e o Instituto Solidare anunciaram em entrevista coletiva realizada na quarta-feira, dia 24 de junho, a construção de uma unidade do SENAC (Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial) no município.

“A vinda do SENAC para Salto é um pedido antigo do Prefeito Juvenil, quando ainda era Vice-Prefeito. Naquela época, conversamos com a regional de Sorocaba e não foi possível trazer uma unidade para cá”, explicou a Secretária Municipal de Desenvolvimento Econômico, Trabalho e Turismo, Eliana Moreira. “Agora este sonho torna-se realidade com a parceria do Instituto Solidare e apoio das Lojas Cem, que já contrata cerca de 60 jovens aprendizes por ano, por meio do SENAC”, completou.

O Instituto Solidare construirá a unidade de Salto do SENAC na Estrada do Buru Km 3,5, dentro de seu complexo educacional que tem mais de 103 mil m2. A obra, que terá entre 3,5 a 3,8 mil m2, começará em 2016 com prazo para ser concluída em 36 meses.

Presente na coletiva, o Diretor do Instituto Solidare, Rafael Christianini, explicou que o prédio será cedido em comodato ao SENAC São Paulo, por um prazo inicial de 20 anos, com possibilidade de renovação. Já o SENAC irá fornecerá os equipamentos necessários para o funcionamento da unidade e os funcionários, além de ofertar cursos de formação técnica e profissional.

“A construção dessa unidade marca a primeira fase do projeto do Instituto Solidare no município. Estamos na fase de elaboração desse projeto em parceria com o SENAC. Nossa expectativa é de que a obra tenha início até o final do primeiro trimestre do próximo ano”, disse Christianini.

Segundo a Superintendente de Operações do SENAC, Lucila Mara Sbrana Sciotti, essa unidade terá capacidade para atender até oito mil alunos por mês e 80% da demanda será oferecida de forma gratuita, considerando os critérios de concessão de bolsas de estudos já existente no SENAC. Dessas bolsas, até 20% serão destinadas a alunos egressos do Instituto Solidare.

“Com base na demanda de alunos de Salto que buscam o SENAC em Campinas, Jundiaí e Itu, a previsão inicial é de que sejam oferecidos cursos livres e técnicos nas áreas de Design e Arquitetura; Comunicação e Artes; Gestão e Negócios; Tecnologia da Informação; Hotelaria e Eventos; Saúde e Bem-estar; Gastronomia e Nutrição; Meio Ambiente e Segurança e Saúde do Trabalho; Moda e Beleza”, contou Lucila.

O Prefeito Juvenil Cirelli ressaltou ainda que a vinda do SENAC marca mais um dos compromissos assumidos do Plano de Governo, que além de trazer novas empresas para o município, investe em qualificação profissional, oferecendo aos munícipes, oportunidades de preparação para o mercado de trabalho. “Também sugerimos modificações na Lei de Uso e Ocupação do Solo da região onde será construído o Complexo Educacional para viabilizar melhorias como duplicação da ponte e questões referentes a água e esgoto”, ressaltou.

Durante o anúncio também estiveram presentes pelo SENAC, a Gerente de Operações, Ana Maria de Ascenção, o Gerente Regional Sorocaba, Rodrigo Amaral, o Gerente de Engenharia, Amilcar Campana Neto, e o Diretor de Marketing das Lojas Cem, Maurício Gardenal.

Instituto Solidare 
 
O Instituto é uma entidade filantrópica, sem fins lucrativos, que atua em diversas áreas, entre elas a educação. É uma iniciativa destinada a atender crianças carentes da cidade e região, com o objetivo de que as mesmas iniciem os estudos na creche até a conclusão do Ensino Superior, em um único local. Todo esse ciclo tem o prazo de 20 anos, e quando completar esse período, o Instituto atenderá uma média de 700 alunos, somente na fase do Ensino Médio.
 
SENAC
 
A história do Senac começou em 1945, quando representantes dos setores produtivos do país sugeriram a criação de cursos que ajudassem a desenvolver profissionais para as mudanças que se observavam no setor de comércio e serviços. Em janeiro do ano seguinte, foram promulgados os Decretos-lei nº 8.621 e nº 8.622, que autorizam a criação do Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial, organização de natureza privada sem fins lucrativos. O SENAC São Paulo foi o primeiro do país a ser instituído, em julho de 1946, iniciando suas atividades pedagógicas no ano seguinte e atualmente conta com 58 unidades educacionais, incluindo três campi do Centro Universitário Senac, dois hotéis-escola Senac e a Editora Senac São Paulo.
 
Fonte: Prefeitura de Salto

Prefeituras Parceiras






Greenpeace

Greenpeace

WWF